Notícias

ABECEDÁRIO – Festival da Palavra

De 8 a 11 de março deste ano, vai realizar-se em Lisboa um festival literário com o objectivo de promover as livrarias de rua fazendo-o através da homenagem a uma palavra.

É o Abecedário_ Festival da Palavra e a palavra escolhida para a primeira edição é FRONTEIRA.

É promovido pela Cabine de Leitura da Praça de Londres com a colaboração das Livrarias Barata, Tigre de Papel e Leituria. O Abecedário conta com o apoio da Direção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas, da Câmara Municipal de Lisboa, das Juntas da Freguesia, da APEL e da Fundação Altice.

Procurará explorar os vários sentidos da palavra fronteira: real, geográfica, natural, económica, cultural, religiosa, social, tecnológica, psicológica, de pensamento, realizando uma análise da atualidade e das perspectivas face ao futuro, na visão de escritores, pensadores, encenadores, realizadores, artistas plásticos, gestores culturais e músicos lusófonos, através da realização de tertúlias, cafés literários, declamações e concertos, que terão lugar durante 4 dias, em 3 livrarias, 4 bibliotecas (Coruchéus, Galveias, São Lazaro e Cabine de Leitura) e 3 cafés (Vává, Mexicana e Império), de 4 freguesias de Lisboa (Areeiro, Arroios, Alvalade e Avenidas Novas).

O Abecedário_2019 terá três grandes áreas temáticas:

FRONTEIRAS DO PENSAMENTO

TERRITÓRIOS SEM FRONTEIRAS

ESTRANGEIROS E FRONTEIRAS

A primeira área decorrerá nas 3 livrarias sendo composta por conversas com escritores, poetas e criadores em 6 painéis: O CÉU É O LIMITE? / PENSO, LOGO EXISTO./TUDO TEM UM PREÇO? / TRANSPOR BARREIRAS, REPENSAR LIMITES. / AMOR SEM FIM. / A ARTE FALA.

A segunda, que decorrerá nos cafés e bibliotecas, será constituída por debates e tertúlias com sociólogos, pedagogos e gestores, e terá igualmente 6 painéis: UM MUNDO GLOBAL. / O PAÍS REAL. / UMA CIDADE SEM FRONTEIRAS. / LIVRARIAS E EDITORAS, IRMÃS DESAVINDAS? / IDENTIDADE HERANÇA OU CONSTRUÇÃO? / A CULTURA NÃO TEM FRONTEIRAS.

A última área será dedicada a concertos de música, contadores de histórias e declamações de poesia a terem lugar na Cabine de Leitura e nos restantes espaços do festival.

ABECEDÁRIO Festival da Palavra
8 a 11 de março de 2019

Livraria Preferida 2018

A APEL vai promover, como já tem vindo a ser habitual, a votação da “Livraria Preferida” dos portugueses.

Eleger a sua «Livraria Preferida» passa a ser, até ao próximo dia 25 de maio – data em que arranca mais uma edição da Feira do Livro de Lisboa -, a missão de todos os portugueses, que, para poderem votar, apenas têm que aceder ao questionário disponível clicando na imagem abaixo:

Esta iniciativa torna-se particularmente relevante pela valorização e visibilidade que se pretende dar a estes espaços tão importantes na promoção do livro e dos hábitos de leitura.

A Livraria Preferida incentiva os portugueses a votar igualmente noutras categorias definidas para este concurso, tais como: Melhor Ambiente, Melhor Atendimento, Melhor Catálogo e Prémio Conveniência de Serviços.

Os prémios serão entregues durante a 88.ª Feira do Livro de Lisboa, que decorre entre os dias 25 de maio e 13 de junho.

A «Livraria Preferida» é uma iniciativa promovida pela APEL no âmbito do projeto Ler em Todo Lado, e tem como principal objetivo a promoção dos hábitos de leitura, junto de diversos públicos, em diferentes locais e através de diversas ações.

LER EM TODO O LADO | ABRIL na UCP

abril é o mês dos Livros e da Leitura por excelência. É o mês de LER EM TODO LADO.

A Rede de Bibliotecas Municipais da Câmara Municipal de Lisboa e a Associação Portuguesa de Editores e Livreiros estão a desenvolver um programa que pretende chamar a atenção para a importância do livro e da leitura e muito em particular conquistar públicos para visitarem as Bibliotecas de Lisboa e as Livrarias.

A Livraria UCP participa neste evento, promovendo o livro e a leitura.

Notícia Original

Biblioteca de Penafiel dinamiza projeto “Ler em todo lado”

Durante o mês de abril a Biblioteca Municipal de Penafiel, com o apoio da Câmara Municipal de Penafiel, vai proporcionar ateliês dedicados à leitura, pelo Concelho de Penafiel, através do programa “Ler em todo o lado”, projeto criado pela Câmara Municipal de Lisboa, Bibliotecas Municipais de Lisboa e Associação Portuguesa de Editores e Livreiros, com o apoio da Direção Geral do Livro dos Arquivos e das Bibliotecas (DGLAB) e do Plano Nacional de Leitura (PNL).

Notícia Original

Palavras de abril no Chiado

No passado dia 12 de abril, as BLX organizaram mais um evento no Chiado. Desta vez, no Maria em Lisboa CAFÉ, onde tivemos uma Tertúlia sobre as Palavras de Abril, por Isabel Lindim, autora do livro Mulheres de Armas (editora Objetiva, 2012) e João Malheiro, autor do livro 25 de Abril – Liberdade (editora Quidnovi, 2013). Com a moderação: Rita Correia (Hemeroteca de Lisboa).

Junto à pastelaria Brasileira tínhamos o jogo À Descoberta do 25 de Abril, por Ideias com História.
O jogo em que partimos à descoberta do que foi o 25 de Abril e do que significou. 

Depois tivemos o Coro da ART para cantar várias canções de abril, que foi um sucesso! Várias pessoas acompanharam e reviveram as músicas da Revolução.

Também tivemos a presença da Associação José Afonso, que vendeu livros, CD e outros materiais de merchandising numa banca de rua (unto à antiga Livraria Sá da Costa).

DSC_0109_site  DSC_0149_site DSC_0255_site

Veja as fotografias no Facebook das Bibliotecas de Lisboa.

Canções de abril na Biblioteca Orlando Ribeiro

Durante os meses de março e abril, o serviço de FONOTECA na Biblioteca Orlando Ribeiro promove  o programa pedagógico – Canções de Abril.
Nestas ações divulga-se Zeca Afonso e tantos outros músicos que marcaram a “banda sonora” dos anos em volta do 25 de Abril de 1974, fazendo da canção  um veículo de denúncia, protesto e exaltação da liberdade.
40 anos volvidos, muitas letras e canções continuam a ressoar na nossa memória coletiva. Neste programa iremos recordar através de imagens, filmes e da participação musical ativa, algumas páginas da História de Portugal e das canções que ajudaram a fazer e a continuar o espírito de Abril.

Acompanhamos a sessão de dia 9 abril para público em geral no auditório da Biblioteca Orlando Ribeiro, onde participou um grupo da Junta de Freguesia do Lumiar. 
Todos adoraram a sessão, pois estava muito bem estruturada e também puderem reviver o dia 25 abril de 74, bem como no final, ainda partilharam algumas histórias verídicas sobre esta época.

Veja as fotografias no Facebook das Bibliotecas de Lisboa.

DSC_0115  DSC_0065

DSC_0083  DSC_0102

A Noite de Encantar na Biblioteca dos Coruchéus

Na passada 6ª feira, dia 4 abril, a Biblioteca dos Coruchéus encheu-se de pequenos com muita magia e misticismo.
A Noite de Encantar foi um sucesso, pois esgotou rapidamente as inscrições e estavam lá inúmeras famílias, todas felizes por participarem numa noite diferente.

Veja as fotografias no Facebook das Bibliotecas de Lisboa e para o ano já sabe…inscreva-se rapidamente para não perder pitada!

DSC_0006  DSC_0101

DSC_0057  DSC_0314

 

Maratona de Histórias na Biblioteca Maria Keil

No passado dia 2 de abril – Dia Internacional do Livro Infantil, iniciamos o programa Ler em Todo lado nas BLX (Bibliotecas de Lisboa), com as diversas Maratonas de Leitura.

Veja aqui as fotos da Biblioteca Maria Keil, onde de manhã lemos na biblioteca e à tarde, lemos no Centro de Dia: Centro Social da Musgueira.

20140331_105532_resized   20140331_105613_resized   20140331_105642_resized   Fotografia0886
Fotografia0890   Fotografia0888